É falso: sintomas como garganta seca não são suficientes para saber se alguém foi infectado pelo novo coronavírus

 É falso: sintomas como garganta seca não são suficientes para saber se alguém foi infectado pelo novo coronavírus

O Nujoc Checagem recebeu, via parceria com o aplicativo Eu Fiscalizo da Fiocruz (disponível para Android e iOS), uma mensagem que circula no WhatsApp. O post, que você pode ver abaixo, dá a suposta “receita” para um autodiagnóstico da infecção pelo novo coronavírus (Sars-Cov-2), responsável pela doença Covid-19.

Foto: Reprodução

“Como você sabe que tem coronavírus?”
1. Comichão na garganta
2. Garganta seca
3. Tosse seca
Então, onde você percebe essas três coisas rapidamente toma água morna. Sua boa saúde é minha prioridade. Não guarde essas informações apenas para si mesmo. Passe para toda a sua família e amigos. Deus te abençoe!”

Sintomas da Covid-19 são semelhantes à outras doenças e, por isso, apenas o teste pode atestar o diagnóstico da doença. Desse modo, apenas um teste pode comprovar se uma pessoa foi infectada ou não. E, mesmo assim, alguns testes rápidos podem não detectar o vírus a depender da quantidade de dias que a pessoa foi infectada quando da realização do exame. Em outros casos, esses testes possuem baixa eficácia.

Os sintomas da doença incluem:

  • Febre
  • Tosse seca
  • Cansaço
  • Dores e desconfortos
  • Dor de garganta
  • Diarreia
  • Conjuntivite
  • Dor de cabeça
  • Perda de paladar ou olfato
  • Erupção cutânea na pele ou descoloração dos dedos das mãos ou dos pés
  • Dificuldade de respirar ou falta de ar
  • Dor ou pressão no peito
  • Perda de fala ou movimento

Além disso, tomar água morna não vai inibir o avanço da doença naquelas pessoas que desenvolverão sintomas, sejam leves, moderados ou fortes. Pesquisadores de todo mundo têm trabalhado em busca de uma vacina e remédios específicos para o tratamento da doença, mas em nenhum dos casos há resultados conclusivos no momento.

Além de espalhar uma mensagem que dissemina desinformação, o autor do post ainda incita que o destinatário continue a corrente de fake news, compartilhando com os seus contatos.

Vale lembrar que é sempre importante checar uma informação antes de compartilhar. Por isso, continue acompanhando o Nujoc Checagem! E se receber uma mensagem que acredite ser falsa, envie para o nosso e-mail: nujoc.checagem@gmail.com.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *