FALSO: Denúncia de que governadores e prefeitos escondem respiradores e EPIs é falsa e requentada

 FALSO: Denúncia de que governadores e prefeitos escondem respiradores e EPIs é falsa e requentada

O material está circulando novamente, depois de ter circulado em junho de 2020

Um vídeo de 1 minuto que está circulando pelas redes sociais acusa governadores e prefeitos de esconder materiais destinados pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ao combate à pandemia. A mensagem foi sugerida para checagem da equipe do NUJOC pelo aplicativo Eu Fiscalizo, da Fundação Oswaldo Cruz.

O material traz o seguinte texto: “URGENTE!!! Olha este absurdo #Bolsonarotemrazão #ACORDAPOVOBRASILEIRO Bolsonaro manda respiradores e EPIs mas governadores estaduais e prefeitos abandonam o material em galpões É a esquerda criminosa trabalhando contra os brasileiros Cadê os deputados?”.

A mensagem circulou em 24 de junho de 2020, no auge da crise sanitária, e desde então vem sendo desmentida e checada por vários sites e veículos de checagem. Na verdade, o material mostrado nas imagens do vídeo era destinado aos hospitais de Mato Grosso e estava armazenado no estádio Aecim Tocantins como estratégia logística de distribuição. É o que explica o governador e o secretário estadual da saúde de Mato Grosso nesta matéria aqui e aqui respectivamente.

Uma busca por notícias usando as palavras chaves “Aecim Tocantins”, “respiradores” e “fake news” ajuda a esclarecer o contexto da mensagem que voltou a circular mais de um ano depois. Há diversas notícias e checagens que desmentem as informações do vídeo, e também outras que anunciam medidas judiciais contra os autores e disseminadores da informação falsa, como esta matéria aqui, que saiu em 26 de junho do ano passado, no G1.

Denúncia de material estocado: fake news. Imagem: Captura de tela/WhatsApp

O site de checagem Boatos.org fez a verificação do material e concluiu: “Resumindo: a denúncia de que governadores e prefeitos estão escondendo respiradores enviados por Bolsonaro em galpões não é verdadeiro. A Secretaria de Saúde de Mato Grosso, local em que as imagens foram gravadas, informou que os equipamentos no depósito filmado seriam enviados aos hospitais aos poucos, de acordo com a quantidade de leitos prontos e demanda de pacientes”. A checagem completa do Boatos.org você pode acessar aqui.

Chama a atenção no caso da fake news em análise o fato de ela estar circulando novamente num contexto em que a pandemia já está em outra fase, com os hospitais registrando baixa no número de internados com Covid-19. Mas a legenda do vídeo ajuda a explicar o porquê da circulação nesse momento: trata-se de insuflar o conflito entre o governo federal e os governos estaduais e municipais. A estratégia adotada pela militância pró-governo Bolsonaro tem sido acusar a oposição de sabotagem, para justificar os números calamitosos da pandemia e dos indicadores econômicos, como também uma possível derrota nas urnas em 2022.

Em julho de 2020, o NUJOC fez checagem sobre denúncias envolvendo governadores, nesta matéria aqui. Em agosto daquele ano, analisamos um documentário que sugeria que os governadores utilizavam a pandemia como desculpa para adotar atitudes ditatoriais. O material pode ser lido aqui.

Marcio Granez