Postagem mistura informações falsas e verdadeiras sobre a pandemia

 Postagem mistura informações falsas e verdadeiras sobre a pandemia

A mensagem é atribuída falsamente ao Centro de Epidemiologia de Milão

Está circulando pelo WhatsApp uma mensagem que compara os efeitos da pandemia nos meses de fevereiro e agosto. Com o título “VALE A PENA”, o texto traz informações corretas misturadas com informações falsas.

A mensagem, que tem cerca de quatro páginas no tamanho padrão dos softwares de texto, começa assim: “Para esta pandemia, há uma probabilidade maior de sobrevivência para aqueles que serão infectados 5 meses depois, como em agosto de 2020, do que para aqueles que foram infectados 5 meses antes, digamos em fevereiro de 2020.

A ideia geral é de fato verdadeira, pois a ciência costuma ser um processo cumulativo, aprendendo-se com os erros e acertos do passado. O tom adotado pelo texto parecer ser no sentido de tranquilizar a população, mostrando também como algumas ideias sobre a pandemia mudaram desde que ela teve início.

Nessa linha, a mensagem enumera alguns fatos sobre a pandemia, como por exemplo a ignorância inicial sobre coágulos sanguíneos nos vasos pulmonares e a aposta nos ventiladores mecânicos para tratamento. O texto afirma que eles não são de fato importantes, já que o problema são os coágulos, e agora teríamos os remédios para tratá-los.

Os ventiladores mecânicos seguem sendo importantes para os casos graves da Covid-19, como forma de auxiliar na recuperação dos pacientes nas UTIs. O texto acaba simplificando ou confundindo em vários outros pontos da mensagem. Afirma, por exemplo, que no início as pessoas caíam mortas por falta de ar, em virtude da infecção – o que não é verdade, e se baseia em uma fake news divulgada num vídeo meses atrás e já desmentida.

O site de checagem Boatos.org elenca as várias inconsistências da mensagem, que vão da autoria falsa – o texto é na verdade uma mensagem anônima que já circulou pela internet, e não uma mensagem do Centro de Epidemiologia de Milão – até a recomendação do remédio colchicina para o tratamento da Covid-19. O uso indiscriminado desta, conforme o Boatos.org, pode ser perigoso. Confira aqui a checagem completa efetuada por eles.


Trecho da mensagem: meias verdades. Imagem: Reprodução/WhatsApp

O mesmo site também informa que existe outra versão do mesmo texto que já circulava em junho, que você pode encontrar aqui, em inglês, dessa vez comparando os efeitos da pandemia de março a junho.

As informações falsas e distorcidas da mensagem são permeadas por informações verídicas e por recomendações corretas, como as do item 7, que encerra a mensagem e que reproduzimos aqui:

7. Muito importante: SIM Faz sentido usar máscara (para evitar espirrar, tossir partículas com o coronavírus). SIM Faz sentido lavar muito bem as mãos constantemente e usar álcool gel. SIM Faz sentido manter distância entre as pessoas.