Tribunal peruano afirma que Bill Gates criou coronavírus em nome da “Nova Ordem Mundial”

 Tribunal peruano afirma que Bill Gates criou coronavírus em nome da “Nova Ordem Mundial”

            São inúmeras as teorias da conspiração acerca da pandemia da covid-19, a maioria delas trata sobre a origem do novo coronavírus, causador da doença. Um dos mais recentes boatos saiu, por incrível que pareça, de um tribunal.

            Foi no Peru onde, recentemente, juízes de uma câmara de recursos criminais emitiram um parecer e nele citaram a pandemia, alegando que ela teria sido criada pelos bilionários Bill Gates, George Soros e membros da família Rockefeller. O material foi encaminhado para o Nujoc Checagem por meio do aplicativo Eu Fiscalizo.

Nós procuramos maiores detalhes sobre as declarações dos magistrados e detectamos que eles defenderam, no documento oficial, a teoria de que elites empresariais estariam por trás da pandemia, a fim de estabelecer a já conhecida “Nova Ordem Mundial”.

            Essas hipóteses apontadas pelos juízes, no entanto, são falsas. Desde o início da pandemia, grupos negacionistas disseminam a falsa informação de que o vírus teria sido criado em laboratório, o que vem sendo negado sistematicamente pelas autoridades de saúde e por cientistas. Evidências que refutam esse boato não faltam.

            O mais novo parecer científico sobre a origem do coronavírus foi divulgado nesta terça-feira (09) pela Organização Mundial da Saúde (OMS), durante coletiva de imprensa onde foram apresentados dados de um estudo que vem sendo feito por uma equipe de cientistas chineses com apoio da OMS.

            A hipótese mais provável, segundo a OMS, é que a primeira contaminação humana pelo vírus tenha ocorrido através de um animal.

            Segundo a Agência Brasil, o especialista em segurança alimentar e doenças animais da OMS, Peter Ben Embarek, afirmou que as descobertas iniciais sugerem a entrada por meio de uma espécie hospedeira intermediária como caminho mais provável, contudo, serão necessários mais estudos e pesquisas mais específicas para que isso seja comprovado.

            Por outro lado, o representante da OMS ressaltou que a hipótese de o vírus ter saído de um laboratório é praticamente descartada.  “As descobertas sugerem que a hipótese de se tratar de um incidente em um laboratório é extremamente improvável”, declarou.

            Diante disso, não restam dúvidas de que a informação que aponta Bill Gates, George Soros e a família bilionária Rockefeller como responsáveis pela criação do vírus não passa de uma teoria da conspiração.

            O que preocupa, no entanto, é o fato de tal boato ter sido proferido por um tribunal, o que representa um risco, uma vez que tais magistrados, revestidos de poder e legitimidade podem disseminar outras hipóteses nesse sentido, contribuindo assim para a desinformação na atualidade.

Thaís Micaelle